Quem adota criança em Florianópolis é isento do IPTU

 

Florianópolis é uma das poucas cidades do país onde existe isenção total do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) para quem adota uma criança.

A medida foi adotada através de decreto assinado pelo então prefeito Dário Berger (decreto 4835, de 30 de abril 2007). Até então, os carnês de IPTU traziam essa informação mas, este ano, não existe qualquer menção a este benefício.

Mesmo assim, quem quiser requerer a isenção (que vale até quando a criança completar seus 18 anos) deve se dirigir a qualquer unidade do Pró-Cidadão para dar entrada à documentação. Leva alguns dias até que o processo seja analisado.

E o que precisa, vocês vão me perguntar: precisa do termo de guarda, dos documentos do imóvel, comprovante de residência (só vale para a casa onde o contribuinte mora), RG, CPF e um requerimento específico da prefeitura de Florianópolis.

As informações podem ser encontradas neste link, da própria secretaria municipal da Fazenda. É só clicar aqui.

É lógico que ninguém vai adotar uma criança pensando simplesmente em isenção de IPTU. Mas, em tempos de acréscimos e reajustes do imposto, não faz mal nenhum exigir algo que é de direito.

 

 

You may also like...

Comentários

  1. Sandra waltrick do campo disse:

    mas com eu moro em videira sc ..eu gostaria de adotar não tem com ser da qui eu e ria la ver com seria meu sonho eu meu esposo

  2. Fabrício Escandiuzzi disse:

    Oi Sandra…
    Adotar é tudo de bom… SC o cadastro é unico… O legal é cobrar vereadores e prefetitura para criarem leis semelhantes em Videira…

    Obrigado por participar.. Grande abraço…. Aqui tem umas informações legais: http://diariodopapai.com.br/wp/sample-page/