Tagged: História da Luísa

Comments

E que venha 2017

Até que enfim acabou o ano de 2016…. Que o próximo ano venha nos trazer saúde, paz e tudo o que desejarmos. E de nossa parte, cabe exercitarmos a tolerância e principalmente, o amor. E que venha 2017!!!

Adoção de crianças amor Comments

Adoção: entrega consciente também é ato de amor

No inicio tudo pareceu absurdo para nós, mas com o tempo passamos a perceber que a entrega consciente de um bebê para adoção é sim, um ato de amor. E somos nós mesmos, que estamos na fila e tanto queremos um filho, que precisamos acabar com o preconceito e incentivar ações como essas.

Comments

Papai, o dinossauro do jardim

Numa manhã qualquer, Luísa pede para que brinquemos pela casa e pelo jardim. Deixo tudo o que teria que fazer de lado para virar criança e me transformar em tudo o que ela imaginar. Como é bom deixar de ser adulto às vezes.. E você? Se transformou no quê para o seu filho hoje?

Comments

Pai que “ajuda” é coisa do passado

Paternidade ativa ou papais de facebook? Diário do Papai traz reportagem especial sobre o relatório “A Situação da Paternidade no Mundo”. Documento mostra o quanto a presença dos homens no cuidado com as crianças é fundamental para o desenvolvimento de um ser humano livre de preconceitos. E mais: especialista pede atenção em material que é compartilhado em redes sociais.

Comments

O que é a paternidade envolvida, afinal?

Matéria especial sobre Dia dos Pais traz relatório sobre a situação da paternidade no mundo. Participação em consultas de pré-natal, adesão à licença paternidade e divisão dos cuidados com bebê são as características da paternidade envolvida. Responsabilidade não é só da mulher, o homem tem que se envolver.

Comments

Olha nós ao vivo na Globo News

Papai fez participação ao vivo no jornal das 16, apresentado por Christiane Pelajo, para falar sobre o Dia dos Pais, o blog e os cuidados com Luísa. Quem sabe faz ao vivo, o que não é meu caso. Mesmo assim, apesar de estar gaguejando pacas, aproveitei para fazer pequena homenagem ao meu pai.